segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

MARILLION - Forgotten Sons - 1983





Muitos sabem que durante muitos anos nunca fui muito fã do Marillion, sempre tentava ouvir um disco ou outro mas, até então nunca havia me convencido de que se tratava de uma banda de excelente qualidade para os padrões do rock progressivo que nascia no começo dos anos 80. Hoje em dia, em conversa com alguns fãs mais enérgicos da banda, comecei a traçar um caminho de muitas surpresas e boas descobertas. Uma delas, foi esse excelente bootleg ao qual tenho em meu acervo por muitos anos e nunca tinha parado para escutar com a merecida atenção. 

Posso dizer que me surpreendi bastante com a qualidade da banda e a energia, as vezes um tanto sombria, que o grande Fish emanava em apresentações ao vivo. Atualmente, com o ouvido mais maduro e sem preconceitos, pude dar ao Marillion uma "segunda chance" e não paro mais de escutá-los. Sempre desdenhei de seus músicos e hoje quebro a cara ao saber o quão grandioso é o guitarrista Steve Rothery quando lidera com maestria um álbum tão lindo quanto o Script For a Jester´s Tears.

Devo salientar que a era Fish ainda é a minha favorita mas mesmo assim, tenho muito respeito pela continuidade dada a banda após a entrada de Steve Hogarth em 1988, dando uma nova roupagem, em um estilo que foge um pouco ao meu conceito sobre Rock Progressivo mas ainda aprecio discos como Seasons End e Brave

Esse bootleg foi gravado nos primórdios da banda trazendo belas versões de faixas como "Forgotten Sons", "Script For a Jester´s Tears" e "Assassing",esta última abriria o disco Fugazi, lançado no ano seguinte. 
Além de faixas não oficialmente lançadas mas excelentes como "Market Square Heroes" e o single "Charting the Single". 

Por algum motivo ao qual desconheço, nesse contamos com a participação de um dos fundadores do Camel, Andy Ward  na bateria, contribuindo ainda mais para a bela qualidade do disco em questão.

O áudio encontra-se impecável e, ao que parece, foi retirado da gravação original de uma rádio Holandesa onde ocorreu essa apresentação em 3 de Julho de 1983.


Aos alucinados fãs do Marillion em todas as suas fases, peço aqui o meu perdão por não saber apreciar da forma correta. Afinal, ninguém é perfeito e gosto musical não se discute. Espero muito que aproveitem esse registro que, para minha modesta opinião, é um dos melhores discos ao vivo lançados não-oficialmente pelo Marillion. 


TRACKS:

01 - Garden Party
02 - Script For A Jester's Tear
03 - Charting The Single
04 - Assassing
05 - Forgotten Sons
06 - Market Square Heroes


9 comentários:

  1. Olá Luciana Aun, bom dia, e meus pêsames ao seu amigo, realmente quando alguém vai embora é sempre muito triste. Deixa eu te perguntar uma coisa, o que houve, retirou o meu blog da sua lista de amigos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não somente o seu. Todos foram excluídos por motivo de força maior.

      Excluir
  2. Bem Luciana, ok então, o seu blog vai continuar com o link lá na minha página, por que não há motivos para eu te excluir, até por que a minha idéia sempre foi a de somar. Um grande abraço do Bárbaro ai pra você, e se precisar de qualquer coisa é só me procurar lá.

    \,,/ Bárbaro do Sul \,,/

    ResponderExcluir
  3. Bom dia...Seu Blog é simplesmente...100 %...Seus textos...Idem...Parabéns & Felicidades...Sempre....Fernando Duarte

    ResponderExcluir
  4. Oi Luciana. Em 1.0 lugar, muito obrigado por divulgar a música do Marillion. Gostaria de pedir a tua permissão para apresentar nosso fã-clube do Marillion no Brasil - https://www.facebook.com/groups/marillionbrasil
    E, se voce gosta de Fish, temos o Fã-clube Oficial aqui no Brasil - https://www.facebook.com/groups/fishheadsclubbrazil/
    Seria muito legal te ver por lá. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulo.
      Já participo do Marillion Brasil, que por sinal, é um grupo muito bacana. Da gosto de ver como vocês são unidos e participativos. Estive no último show em BH e gostei muito! Apagou um pouco do preconceito que tinha em relação ao Hogarth, que me provou ser um grandioso frontman. Vou entrar no grupo do Fish, a quem tenho grande admiração. Agradeço seu contato e isso serve como um incentivo a mais para divulgar o som do Marillion por aqui. Um abraço.

      Excluir
  5. Muuuuuuito Obrigado. Seja super bem-vinda. \o/\o/\o/

    ResponderExcluir
  6. Excelente artigo! Parabéns e muito obrigado pelo arquivo!

    ResponderExcluir